GESP denúncia aterro em área de várzea do Rio Passo Fundo

Uma denúncia anônima recebida pelo Grupo Ecológico Sentinela os Pampas (GESP), ONG filiada à APEDEMA/RS. apontava que um aterro localizado na Rua Olavo Bilac, entre os bairros Petrópolis e Loteamento Umbu estaria comprometendo um banhado e a mata ciliar em uma área de preservação permanente em Passo Fundo-RS. O levantamento fotográfico da área foi feito pelo Gesp e pelo Departamento Estadual de Florestas e Áreas Protegidas (Defap) e constatou que há providência de aterramento e supressão de vegetação de uma parcela de fragmento de bioma Mata Atlântica em estágio médio e os ambientalistas protocolaram ofício no Ministério Público depois de conferir denúncia recebida pela entidade.

Acesse o site do GESP e saiba mais sobre o assunto.

Deixe uma resposta