Arquivos Mensais: setembro 2015

Fundação Gaia: Aprendendo com a Ecologia que nos rodeia, com Samuel Chevallier

Captura de Tela 2015-09-18 às 09.48.39Segundo Gregory Bateson: “os principais problemas do mundo são resultado da diferença entre como a natureza funciona e a forma como as pessoas pensam”. Esse pensamento inspira o curso Aprendendo com a Ecologia que nos rodeia, que acontece em 03 e 04 de outubro e será ministrado por Samuel Chevallier, da África do Sul, mestrando no Schumacher College, Reino Unido.

A atividade, que será ministrada em inglês com tradução simultânea, é promovida pela Fundação Gaia – Legado Lutzenberger e acontece no Rincão Gaia, localizado junto a Pantano Grande, a 120 km de Porto Alegre.

Mais detalhes na origem

Veja vídeo em que Samuel fala sobre suas atividades. 

Cais Mauá: chegou a hora da verdade – Audiência Pública hoje

O Estudo de Impacto Ambiental e o Relatório de Impacto Ambiental (EIA-Rima) do projeto do consórcio Cais Mauá serão apresentados em uma audiência pública dia 18 de setembro, às 19h, no Grêmio Náutico União da Quintino Bocaiúva.

Na audiência a população terá a chance de opinar e sugerir mudanças. Depois as propostas seguem para análise da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam). Ainda há a necessidade de realização do Estudo de Viabilidade Urbanística (EVU), Licença Prévia e, por fim, a Licença de Instalação. Ler mais

Papa Francisco: Pastoral da Ecologia propõe parceria com Agapan

Motivada pela mensagem da Carta Enclíclica Laudato Si’, a Conferencia Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB – Sul 3) convidou a Agapan para participar de reunião para a rearticulação das atividades da Pastoral da Ecologia no Rio Grande do Sul.
A primeira reunião do grupo foi realizada nesta quinta-feira (17/9/2015)) na sede da CNBB em Porto Alegre. Também participaram representantes de movimentos populares ligados à luta pela terra e pela agroecologia, advogados populares e do parlamento gaúcho. O irmão Antônio Cechin, fundador da Pastoral, também participou da reunião.
Outras entidades devem se juntar ao grupo, que tem a intenção de unir forças para fortalecer a luta ecológica em defesa da “Casa Comum”, termo utilizado pelo Papa Francisco ao se referir ao planeta Terra na encíclica.

Fonte: AGAPAN – http://www.agapan.org.br