O Centro de Comunicação Ambiental sem fins lucrativos com sede na Noruega GRID-Arendal está oferecendo bolsas para projetos de jornalismo investigativo com foco em crimes ambientais em países em desenvolvimento. Quatro bolsistas receberão cada um 25.000 coroas norueguesas (aproximadamente €2.300). As inscrições devem ser feitas até 22 de janeiro de 2021 e as bolsas serão concedidas em fevereiro de 2021.

O GRID-Arendal é apoiado pela Agência Norueguesa de Cooperação para o Desenvolvimento, entre outros doadores. Colaboramos com o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente e outros parceiros em projetos que protegem o meio ambiente, restauram ecossistemas e promovem os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, com ênfase no apoio aos países em desenvolvimento.

O programa de subsídios para jornalismo financia jornalismo investigativo revela novas informações sobre crimes ambientais que ocorrem dentro ou entre países em desenvolvimento. São valorizadas propostas de reportagens de alto impacto, especialmente em questões que são negligenciadas pela grande mídia. O convite para inscrições serve para projetos em uma variedade de plataformas de mídia, incluindo projetos impressos, online, de áudio, vídeo e multimídia. Propostas para jornalismo de dados, visualização de dados e jornalismo de inteligência de código aberto (OSINT) são bem-vindas também. Todos os projetos devem ser publicados em inglês, no mínimo.  Se forem publicados em mais idiomas a proposta será melhor valorizada.

As doações apoiarão projetos de reportagens que se concentrem em um ou mais países na lista de destinatários da Assistência Oficial para o Desenvolvimento da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) .

Bolsas anteriores de jornalismo da GRID-Arendal apoiaram reportagens sobre:

Atualmente, à luz da pandemia COVID-19, serão apoiados trabalhos investigativos que envolvam pouca ou nenhuma viagem. Não financiaremos projetos que envolvam viagens a comunidades indígenas, isoladas ou vulneráveis.

Os candidatos aprovados receberão metade do valor do subsídio após assinar um acordo de subsídio e a segunda metade após o projeto de relatório ser enviado para publicação ou transmissão. O prazo para conclusão de um projeto será de seis meses a partir da assinatura do contrato de subvenção. Projetos financiados devem contar com o apoio de GRID-Arendal.

Critério de eleição

  • A quem é dirigida a seleção: jornalista profissional, um membro da equipe de uma organização de mídia ou um freelancer com um histórico de trabalhos editoriais em veículos respeitados.
  • Pessoas com experiência em jornalismo investigativo.

Jornalistas de qualquer lugar do mundo podem se inscrever. São encorajadas inscrições de candidatos com experiências diversas.

Requisitos de aplicação

As inscrições devem ser feitas integralmente à meia-noite no horário da Europa Central (CET) de 22 de janeiro de 2021. As inscrições devem incluir:

  • currículo ou currículo
  • 3-5 amostras de trabalho publicadas
  • descrição do projeto de relatório proposto, incluindo plano para obter informações e resumo da pesquisa preliminar ou relatório
  • orçamento estimado para o projeto, explicando quanto dinheiro do subsídio pagaria
  • cronograma estimado para o projeto
  • plano de publicação, de preferência incluindo carta de compromisso ou carta de interesse de um meio de comunicação e indicação se você publicaria o projeto em qualquer outro idioma além do inglês
  • nomes e informações de contato para três referências profissionais
  • reconhecimento de quaisquer outros doadores ou fontes de financiamento para o projeto, se relevante
  • declaração sobre como você operaria com segurança durante a pandemia COVID-19

Os materiais de inscrição devem ser escritos em inglês e os orçamentos expressos em coroas norueguesas. Todos os materiais devem ser combinados em um único PDF e enviados por e-mail para Valentin Emelin ( yemelin@grida.no ) e Siri Olsson ( siri.olsson@grida.no ). Inscrições incompletas ou que não atendam a esses requisitos não serão consideradas.

Processo de avaliação

As inscrições serão avaliadas por uma equipe de funcionários GRID-Arendal. Entre outros fatores, consideraremos:

  • potencial para alcançar um público amplo
  • potencial para causar um impacto e causar mudanças
  • experiência do jornalista em reportagem investigativa
  • se um projeto aconteceria sem nosso apoio

Os candidatos selecionados serão contatados até 15 de fevereiro de 2021.

GRID-Arendal está colaborando neste projeto com a Rede de Jornalismo da Terra .

Mais informações

https://www.grida.no/news/17

Foto no topo: Extração ilegal de madeira na Amazônia brasileira. Crédito:  quapan  ( CC BY 2.0 )

Fonte: texto em https://www.grida.no/news/17, com adaptações para a língua portuguesa