Pelo reforço às buscas por Dom Philips e Bruno Araújo Pereira

A RBJA – Rede Brasileira de Jornalistmo Ambientais divulgou nesta terça-feira a seguinte nota:

Rede Brasileira de Jornalismo Ambiental manifesta preocupação com o desaparecimento do colega jornalista Dom Phillips e do experiente indigenista Bruno Araujo Pereira durante uma viagem de trabalho ao vale do rio Javari. Dom Phillips é um profissional free lancer que trabalha para jornais como o The Guardian, Washington Post, New York Times e o Financial Times.

Nós, profissionais que atuamos na área do jornalismo ambiental, solicitamos a todas as organizações que colaboram nas buscas, especialmente a Polícia Federal e outros organismos públicos, que não esmoreçam no esclarecimento deste caso.

Os dois profissionais desaparecidos foram, recentemente, alvo de ameaças por conta de seu trabalho em defesa dos povos indígenas e de apuração jornalística de crimes que estão sendo cometidos contra as comunidades indígenas no Brasil.

A segurança de profissionais que atuam na pesquisa e na investigação jornalística na Amazônia precisa ser garantida pelo Estado Brasileiro através de seus mecanismos de Justiça e Repressão ao Crime.

Dal Marcondes –
presidente da Rede Brasileira de Jornalismo Ambiental