Rio dos Sinos em debate

porRedação

Rio dos Sinos em debate

Em reportagem sobre Meio Ambiente, “Comissão do Rio dos Sinos define seu plano de ação”, Camila da Rosa Severo, relata que a ” Comissão Especial para Tratar da Bacia do Rio dos Sinos definirá seu plano de ação nesta quinta-feira (19/4/2012), quando ocorrerá a primeira reunião do grupo de trabalho”. Será apresentado um cronograma que inclui audiências públicas descentralizadas, visitas técnicas e um seminário até agosto, quando se encerra o prazo legal das atividades. O encontro será às 13 horas na sala Sarmento Leite, no 3º andar da Assembleia Legislativa.
Para saber mais sobre o Rio dos Sinos vale a pena ler o artigo do ambientalista Arno Kayser, representante do Movimento Roessler para Defesa Ambiental, preparado em função de evento de capacitação de novos membros do Comitesinos em novembro 2005.
Foto: Herrmann Rudolf Wendroth: O rio dos Sinos em 1852

Os Primórdios do Comitesinos

Não é à toa que o Rio dos Sinos é o palco do primeiro Comitê de Bacia do Brasil. Todo um processo histórico existe para justificar este fato.

A vinculação da nossa comunidade com o rio é muito antiga. Inicialmente tínhamos, aqui, uma região de terras públicas dedicadas as grandes produções do Império Português. Era a Real Feitoria do Linho Cânhamo. Um empreendimento baseado em mão de obra negra escrava. Tanto que temos o bairro Feitoria em São  Leopoldo e o bairro Quilombo em Lomba Grande.

Como este projeto não deu muito certo o Imperador D. Pedro I (que pretendia estender o jovem Império Brasileiro até o Uruguai retomando a Colônia de Sacramento) trouxe colonos alemães para manter uma base agrícola e artesanal para as necessidades de seus propósitos expansionistas.

O Rio dos Sinos foi a via de chegada e o meio de comunicação com a Capital até a chegada do trem. Mais tarde a região começou a desenvolver uma indústria coureiro-calçadista baseado no artesanato dos primeiros imigrantes. No início do século XX surgem as primeiras fábricas, movidas à eletricidade, de Pedro Adams Filho. O que intensificou os impactos ambientais na nossa região.

Clique aqui e leia o artigo completo no blog de Arno Kayser “Pra pensar a ecologia em dias tão confusos”.

Sobre o Autor

Redação administrator

Jornalista, Porto Alegre, RS Brasil.

2 Comentários até agora

fernandomf@gmail.comPostado em10:31 pm - abr 18, 2012

Poxa, vocês dando espaço para aqueles que querem esvaziar o comitê sinos de seu protagonismo na gestão de recursos hídricos? Estão fazendo campanha para o Vanazzi agora?

apedemarsPostado em10:01 am - abr 19, 2012

Prezado Fernando, tudo bem? Obrigada por tua participação. Procuramos manter o blog ligado com os temas ambientais importantes. O fato de termos divulgado a reunião não significa “dar espaço” a alguém como tu colocas. Reconhecemos que há espaços institucionalizados onde os assuntos que nos interessam são discutidos. A Assembléia Legislativa é um desses espaços. Caso leias a matéria novamente, verás que não há o menor juízo de valor a respeito da Comissão ou da reunião, porém, fazer de conta que ela não existe não é uma política da APEDEMA/RS. Um dos nossos objetivos é “Ecologizar a política e politizar a Ecologia”. Abçs! Ana Carolina (ASPAN/SB – ONG membro da coordenação Bienio 2011-2013).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.