GESP contesta parte do projeto que derruba muro em Passo Fundo

Créditos: Glenda Mendes/ON

O projeto do anel viário central, em Passo Fundo, obra que está sendo executada com recursos do BID, está gerando polêmica entre algumas entidades na parte que prevê a derrubada parcial do muro de um  quartel para dar continuação à rua Eduardo de Brito. Em 2012, o Grupo Ecológico Sentinela dos Pampas (GESP), associado da APEDeMA/RS,  encaminhou denúncia ao Ministério Público Estadual, fazendo referência à questão do tombamento do local como patrimônio histórico. Em junho deste ano, o grupo protocolou ofício solicitando manifestação oficial do Conselho Municipal de Cultura.
Print Friendly, PDF & Email

Next Post

Reunião discutiu assuntos da APEDeMA/RS

sáb jul 20 , 2013
A Assembleia Permanente de Entidades em Defesa do Meio Ambiente – APEDeMA/RS – vai formar alguns grupos de trabalho para auxiliar as 36 entidades afiliadas e as futuras associadas. Entre os objetivos da medida, no plano de trabalho apresentado pela Coordenação aos demais presentes, está o de ‘qualificar os quadros […]