Ambientalista do INGÁ debate queimadas em entrevista ao SUL21

Ambientalista, professor da UFRGS e membro do INGÁ, ONG afiliada à APEDEMA, Paulo Brack é um dos entrevistados pelo SUL21 sobre o tema das queimadas. Diz a matéria: “A disputa política é a face menor de toda essa discussão. A prática das queimadas envolve um complexo debate técnico, ambiental, social, cultural e econômico.”

Para Brack, ” é preciso superar a discussão sobre proibir ou legalizar. O ambientalista avalia que nenhuma das duas opções resolve totalmente o problema e defende a busca de alternativas às queimadas.”

Clique aqui e leia a matéria completa no site do SUL21.

Fonte: CP http://correiodopovo.com.br/blogs/cidades/?p=456

Next Post

Fundação Gaia proporciona carnaval especial

ter fev 14 , 2012
  De 21 a 24 de abril, a Fundação Gaia – Legado Lutzenberger, OnG afiliada à APEDEMA, proporciona um carnaval especial, integrando os participantes à natureza através de caminhadas, banhos de lago e criação de  fantasias elaboradas com materiais coletados  na paisagem do Rincão Gaia. Este é a sede rural da Fundação, localizada junto a Pantano Grande, a 120 km de Porto […]
Send this to a friend