Zona Sul de Porto Alegre e a especulação imobiliária é o tema da próxima Quarta Temática, dos Amigos da Terra Brasil

captura-de-tela-2016-10-23-as-21-21-21

A próxima Quarta Temática promovida pelos Amigos da Terra Brasil terá como tema a especulação imobiliária da Zona Sul de Porto Alegre.  O evento iniciará dia 26 de outubro às 18h30min, na sede da entidade, na rua Olavo Bilac, 192, bairro Cidade Baixa, em Porto Alegre, RS. 

Zona Sul de Porto Alegre é um território em disputa. A especulação imobiliária usa de slogans como “Zona Sul é tudo de bom”, “Prazer em viver na Zona Sul” para vender uma vida privilegiada perto do verde. No entanto, em seus processos, destroi justamente o que propagandeia, expulsa comunidades, cria vazios urbanos. Fortalece um projeto de cidade excludente. E é disso que se trata, de projetos de cidade, de projetos de vida.
Várias embates foram e são travados pela preservação deste território. Atualmente, uma das principais lutas é a que diz respeito à preservação da Fazenda do Arado, área com mais de 400 hectares na Orla do Guaíba. Local único, com uma importância natural (hábitat de centenas de espécies, algumas em extinção), histórica (sítio arqueológico do índios guaranis) e cultural, que pode se transformar em mais um condomínio de luxo, com mais de 2 mil casas. Por ser uma planíce alagadiça, seriam necessários 1 milhão de metros cúbicos de aterro para viabilizar o empreendimento. Isso representa a carga de 125 mil caminhões. Qual impacto isso traria para a região?
Mais sobre esta dispusta, no site do Preserva Arado:

Conheça a área da Fazenha do Arado neste vídeo de 1 minuto feito com drone:
https://www.youtube.com/watch?v=ORoSFNgAjak

Conheça o Cinturão Verde de Porto Alegre através deste documentário doColetivo Catarse:
https://www.youtube.com/watch?v=xXPW24DWqDM

Representantes do Preserva Arado e de outros movimentos que lutam pela preservação dos ambientes naturais da na Zona Sul estarão no próximo Quartas Temáticas, dia 26, na CasaNat.

Estarão presentes:
– Felipe Viana, do Instituto Econsciência e Opac-Rama;
Coletivo Ambiente Crítico;
– Movimento Preserva Arado (A confirmar).

Next Post

Democracia e alternativas ambientais são temas do próximo Agapan Debate

qua out 26 , 2016
“Todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida, impondo-se ao poder público e à coletividade o dever de defendê-lo e preservá-lo para as presentes e futuras gerações.”    O artigo 225 da Constituição Federal brasileira apresenta, de […]
Send this to a friend